Xfce

From Gentoo Wiki
Jump to: navigation, search
This page is a translated version of the page Xfce and the translation is 98% complete.

Outdated translations are marked like this.
Other languages:
English • ‎español • ‎français • ‎italiano • ‎português do Brasil • ‎русский • ‎فارسی • ‎中文(中国大陆)‎ • ‎日本語 • ‎한국어

Para citar xfce.org: "Xfce é um ambiente de desktop leve para sistemas operacionais Unix-like. Tem por objetivo ser rápido e de baixo consumo para os recursos do sistema, enquanto está sendo visualmente atraente e fácil de usar."

Instalação

Evitando dependências desnecessárias

Evitando suporte e pacotes opcionais do GNOME, irá manter o sistema mais enxuto e congruente. Esta seção é totalmente opcional; proceda desta maneira se o objetivo é manter o sistema pequeno em vez de grande.

Garanta que o sistema está usando o básico "desktop" no profile:

root #eselect profile set default/linux/amd64/17.0/desktop

app-text/poppler e dev-util/cmake tem a flag +qt5 por padrão:

FILE /etc/portage/package.use/xfceDesative a flag qt5 para o poppler e o cmake
app-text/poppler -qt5

É claro, a flag -qt5 pode também ser definida globalmente no /etc/portage/make.conf se desejar.

Emerge

É hora de instalar o Xfce completo para desktop!

Sem incluir explicitamente o xfce-extra/xfce4-notifyd no comando emerge, o pacote virtual/notification-daemon irá chamar o pacote do GNOME x11-misc/notification-daemon em vez disso. Então, instale-os em conjunto com o xfce-base/xfce4-meta e depois retire-o da word list com o deselect.

root #emerge --ask xfce-base/xfce4-meta xfce-extra/xfce4-notifyd
root #emerge --ask --deselect=y xfce-extra/xfce4-notifyd

É claro, também é possível selecionar apenas os pacotes necessários:

root #emerge --ask xfce-base/xfwm4 xfce-base/xfce4-panel

Configuração

Gerenciadores de login

É possível usar um gerenciador de login para iniciar o Xfce. Por favor, consulte o artigo display manager para configurar um gerenciador de login.

A maioria dos gerenciadores de login usam o arquivo

  • .desktop para configurar seções disponíveis. O seguinte é um exemplo de um arquivo desktop:
FILE xfce4.desktopArquivo desktop do Xfce4 para gerenciadores de login
[Desktop Entry]
Encoding=UTF-8
Name=Xfce4
Comment=Use this session to run Xfce 4 as desktop environment
Exec=/usr/bin/startxfce4
Icon=/usr/share/pixmaps/xfce4_xicon1.png
Type=Application

O arquivo desktop pode ser colocado no local correto para o gerenciador de login.

Iniciando o Xfce sem um gerenciador de login

startx e startxfce4 são duas das opções disponíveis de imediato para iniciar o Xfce sem usar um gerenciador de login.

startx

Quando usar startx, crie um arquivo ~/.xinitrc com o seguinte conteúdo:

FILE ~/.xinitrcIniciar o xfce4 quando chamar o startx
exec startxfce4

Quando enfrentar problemas de autorização ou permissões dentro do xfce4 no perfil do OpenRC (sintomas incluindo ser incapaz de abrir o gerenciador de energia e incapaz de suspender/hibernar) certifique-se que o pacote sys-auth/consolekit foi instalado com a flag USE pm-utils definida. Então, substitua a linha acima no ~/.xinitrc com o seguinte (consulte esta entrada no Gentoo Forums para maiores informações):

FILE ~/.xinitrcManeira correta de iniciar o xfce4 quando chamar o startx
ck-launch-session dbus-launch --sh-syntax --exit-with-session xfce4-session

startxfce4

Para iniciar o desktop do Xfce4 simplesmente digite startxfce4 na linha de comando e pressione o enter:

user $startxfce4

Xfce é um ambiente de desktop e, como tal, pode ser ajustado e adaptado às necessidades de (quase) todos os usuários. Nesta seção, uma série de aspectos populares (ou mais desafiadores) são cobertos.

Teclas de volume

xfce4-volumed

Instale o xfce-extra/xfce4-volumed para gerenciar as teclas de volume (desatualizado - substituições sugeridas incluem media-sound/tudor-volumed ou use associação de teclas do gerenciador de janelas ou mixer) :

root #emerge --ask xfce-extra/xfce4-volumed

Ao usar o pulseaudio com o xfce4, use o xfce-extra/xfce4-volumed-pulse:

root #emerge --ask xfce-extra/xfce4-volumed-pulse

Atalhos do teclado

Execute xfce4-keyboard-settings para vincular as seguintes teclas:

  • volume up button: amixer set Master 5%+
  • volume down button: amixer set Master 5%-
  • mute button: amixer set Master toggle

Temas consistentes em GTK+ 3

Engine de temas nativos do Xfce

A engine de tema próprio do Xfce, x11-themes/gtk-engines-xfce, foi atualizada na versão 3.0, que implementa suporte nativo para GTK +3 com nenhuma configuração adicional.

Assumindo que a USE flag gtk3 está definida, a versão GTK +3 (revisão 300 ou superior) deve ser puxada como padrão se os pacotes xfce-base/xfce4-meta ou x11-themes/gtk-engines-xfce foram instalados com a opção --deep da atualização da world list.

Se não simplesmente:

root #emerge --ask x11-themes/gtk-engines-xfce

Isto deve puxar a versão correta do x11-themes/gtk-engines-xfce através da utilização de um SLOT específico.

Após instalar a versão GTK +3 do x11-themes/gtk-engines-xfce, aplicações usando GTK +3 devem agora combinar muito bem com aplicações que usam GTK +2 quando um dos temas nativos do Xfce é usado.

Tema Greybird

Uma outra opção é usar o tema Greybird, que tem suporte para GTK +2, GTK +3, xfwm4 e metacity:

root #emerge --ask x11-themes/greybird

Vá para Xfce menu -> Configurações -> Aparência. Ou execute xfce4-appearance-settings. Selecione "Greybird" da lista de "estilo".

Agora as aplicações em GTK +2 e GTK +3 devem ter uma aparência consistente.

Outros temas

Outros temas disponíveis no Portage que são compatíveis com o XFCE podem ser instalados com a lista a seguir:

root #emerge --ask x11-themes/clearlooks-phenix x11-themes/gnome-themes-standard x11-themes/gtk-engines-aurora x11-themes/light-themes x11-themes/murrine-themes x11-themes/nimbus x11-themes/oxygen-molecule x11-themes/redhat-artwork x11-themes/shiki-colors x11-themes/tactile3 x11-themes/zukini

Aplicativos adicionais

Há uma série de aplicativos adicionais que fazem parte do Xfce.

Package Description
x11-terms/xfce4-terminal Um popular emulador de terminal para o Xfce; muito superior ao programa padrão xterm.
xfce-base/xfce4-appfinder Localizador de aplicativos.
xfce-base/thunar Gerenciador de arquivos do Xfce.
xfce-extra/xfce4-mixer Controle de volume
xfce-extra/thunar-volman Gerenciador de mídias e drivers removíveis.
xfce-extra/tumbler Pré visualizador para arquivos do Thunar.
xfce-extra/thunar-archive-plugin Plugin para o Thunar para trabalhar com arquivos, usa app-arch/file-roller.
xfce-extra/xfce4-battery-plugin Exibe a porcentagem da bateria, tempo restante, fonte de alimentação (AC ou bateria), status da ventoinha, avisos e pode até mesmo ser configurado para executar comandos em certos níveis de energia. Este recurso pode ser usado para colocar o laptop no modo de hibernação quando a bateria estiver quase esgotada.
xfce-extra/xfce4-verve-plugin Pequena linha de comando embutida no painel. É mais rápido do que abrir um outro terminal para executar um comando.
xfce-extra/xfce4-mount-plugin Um método manual para montar dispositivos listados no /etc/fstab com apenas um clique do mouse.
xfce-extra/xfce4-sensors-plugin Monitor de sensores de hardware como a temperatura da CPU, ventoinha RPM, temperatura do disco rígido, tensão da placa-mãe e muito mais.
x11-themes/xfwm4-themes Diversos temas para o gerenciador de janelas.
xfce-extra/xfce4-power-manager Uma aplicação para monitorar e gerenciar o uso de energia (especialmente importante para laptops). O gerenciador de energia permite ajustar o brilho da tela, escolher o desempenho máximo ou modo de economia de bateria, configurar hibernação, suspender, ações de desligamento quando a tampa é fechada ou botões são pressionados. Configure o xfce4-power-manager para avisar quando a bateria atingir certos níveis ou até mesmo desligar a máquina. A aplicação vem com alguns plugins do painel úteis para mostrar o status da bateria/carregando e controle de brilho.

Os seguintes aplicativos funcionam bem no Xfce e completam um ambiente de desktop básico.

Package Description
app-editors/mousepad Editor de texto leve.
app-cdr/xfburn Aplicativo de gravação de CD.
x11-misc/alacarte Editor de menu do GNOME que funciona bem no Xfce.
x11-terms/tilda Emulador de terminal leve em estilo quake.
app-office/orage Calendário simples.

Resolução de problemas

Ativar janela de encaixe vertical

A maioria dos ambientes de desktop modernos tem janela de encaixe vertical habilitada por padrão. Isto também é possível no Xfce, mas não por padrão. Para habilitar, navegue para: ConfiguraçõesGerenciador de janelaGuia avançado.

  • Certifique-se que a caixa de seleção "Snap windows to screen border" esteja selecionada.
  • Certifique-se que as caixas de seleção em "Wrap workspaces when reaching the screen edge" tenham sido desmarcadas. Estas interferem com as janelas de encaixe vertical.

Uma vez que as caixas de seleção estejam configuradas, deve ser possível agora arrastar uma janela para o lado direito ou esquerdo da tela, o que deve fazer com que a janela redimensione à 50% da largura da tela.

Atalhos de teclado podem ser definidos, a fim de fazer isto, via comportamento típico Super+ ou Super+. Navegue até ConfiguraçõesGerenciador de janelaguia do teclado.

Defina as ações "Tile window to the left" e "Tile window to the right" com as combinações de teclas Super+ e Super+, respectivamente.

Audio mixer acusa sobre a falta do pacote binário pavucontrol

Ao clicar no ícone de áudio no painel e selecionando Audio mixer... resulta em uma mensagem dizendo "pavucontrol binary not found".

A solução é instalar o pacote media-sound/pavucontrol:

root #emerge --ask media-sound/pavucontrol

Programas iniciando teclas de atalho não estão funcionando / Cores da aparência não mutáveis

Xfce pode ter teclas de atalho para iniciar uma aplicação bem como modificar uma aplicação em execução ou configuração. Um exemplo de comportamento das teclas de atalho é a combinação Ctrl+Alt+D, que minimiza todas as janelas para mostrar a área de trabalho (e vice-versa).

Assumindo que as teclas de atalho para iniciar uma aplicação (como Alt+F2 para iniciar o localizador de aplicativos) não estão funcionando, enquanto a aplicação pode ser iniciada do menu, então o Consolekit não está em execução. Inicie-o e certifique-se que ele seja iniciado no momento da inicialização do sistema:

root #/etc/init.d/consolekit start
root #rc-update add consolekit default

Isto também irá iniciar o D-Bus, um pré-requisito para o Consolekit. Reinicie o X para aproveitar as novas teclas de atalho e cores.

Veja também

  • Guia do Xfce - Um guia altamente detalhado de instalação e configuração. Leia isto para obter todos os suculentos detalhes relacionados ao Gentoo!